Subscribe:

Pesagens

01.01.2014: 90,0 kg

quinta-feira, novembro 12, 2009

Transtorno Bipolar: como diferenciar temperamento e doença

Por vezes acho que sofro desse transtornos...

2/11/2009 - 10h00


Livro sobre transtorno bipolar mostra como diferenciar temperamento e doença

O psiquiatra está coletando dados pela internet para um estudo científico que, segundo ele, não possui patrocínio da indústria farmacêutica. Trata-se de um questionário que leva aproximadamente 2,5 horas para ser preenchido. A contribuição, anônima, pode ser feita no site www.temperamento.com.br. Quem participa recebe um retorno sobre seu perfil psicológico e psiquiátrico.

 

Tatiana Pronin, editora do UOL Ciência e Saúde
Em São Paulo
Fases de euforia, extroversão, dificuldade para se concentrar, falta de sono e excessos comportamentais (como exagerar no álcool, nas drogas, nas compras ou no sexo) seguidas de períodos de depressão, nas quais a pessoa não tem vontade de fazer nada ou fica muito irritada. Essa montanha russa de sintomas é típica de quem sofre de transtorno bipolar, mal que afeta de 7% a 9% da população e é tema do filme “Amantes”, lançado recentemente no cinema.

Especialista no assunto, o psiquiatra Diogo Lara cansou de receber em seu consultório, em Porto Alegre (RS), pessoas em crise porque receberam antidepressivos, como o Prozac, ou remédios para déficit de atenção, como a ritalina, após um diagnóstico equivocado. Essas substâncias, quando receitadas sem acompanhamento adequado para quem é bipolar, podem deflagrar as crises de “mania”, ou seja, fases em que o humor está “para cima” demais.

“Temperamento forte e bipolaridade – Dominando os altos e baixos do humor”
Autor: Diogo Lara
Editora Saraiva
168 páginas
R$ 29,90


 Ler toda a matéria:  CLIQUE AQUI
(Fonte: http://noticias.uol.com.br)

4 comentários:

Andrea Aoki disse...

Oi Rê!!!
Achei seu blog pelo da Juliana, vi q vc tinha atualizado com esse tema "transtorno bipolar" e me chamou atenção... fui diagnósticada como bipolar há 15 dias... não tem sido fácil, mas agora pelo menos entendo meus repentes, meu mau-humor, minhas mudanças sem motivos... claro q muita coisa é da personalidade da pessoa, mas desde muito cedo eu apresentava sintomas desse transtorno, não é nada assim tãooo grave, é uma doença crônica como diabete ou hipertensão, basta ser tratada corretamente... não conheço vc e nem li todos os seus posts... mas acabei vindo pela curiosidade do título do post =)
Tudo de bom, bjs!

Mrs Bennet disse...

è amiga...a diferença do bipolar é que é tudo muito extremo...mas, também acho que sou assim as vezes, especialmente hoje, me arrumei toda pra ir pra academia e acabei por desistir de tão agoniada que fiquei...nossa, é horrivel.
Tem um filme muito bom sobre bipolar com o richard gere e a sally field arrebentou na série ER interpretando uma personagem bipolar e pra mim ganhou do mr.gere.
Sobre o meu último post, durante todos esses anos eu já li tanto sobre tudo que envolve a perda de peso, que cansei de tanta informação! eu sei tanto e não consigo colocar toda essa informação a meu favor! affe, é coisa de doido mesmo...teh o proximo post!
bjaum

Muriel disse...

Oi, lindinha BOOMMM DDIAAA !!!
Nem sei se tenho isso....Acho que na verdade to mundo tem esse tipo de transtorno, porém, se acentua mais em algumas pessoas...
Que vc acha/// Não entendo muito do assunto... Mas de gente descontrolada... Ah isso eu sei como é que é....
Bjinhos e tenha uma ótima sexta...

Fabiane disse...

oii.. achei bem legal esse seu post hj.. eu acho q eu sofro é de preguiça mesmo!!! rsrs..
e vamos voltar a luta menina.. nada de desanimo!!
beijos.. e otimo final de semana!!

Postar um comentário

Oi amiga, que bom que vai comentar o que escrevi!!! Obrigada :)